Vida, pensamento e luta: exemplo que se projecta na actualidade e no futuro

«A alegria de viver e lutar vem-nos
da profunda convicção de que é justa, empolgante e invencível a causa por que lutamos»

O Partido com Paredes de Vidro, 1985

«A maior alegria do militante comunista resulta do êxito alcançado, não para benefício próprio mas para benefício do povo.»

O Partido com Paredes de Vidro, 1985

«A militância comunista enriquece a vida e o ser humano.»

O Partido com Paredes de Vidro, 1985

«A democracia estimula, motiva e mobiliza a capacidade, a intervenção, a vontade e a decisão do indivíduo.»

O Partido com Paredes de Vidro, 1985

«Ser comunista não é apenas uma forma de agir politicamente. É uma forma de pensar, de sentir e de viver.»

O Partido com Paredes de Vidro, 1985

«A política de restauração monopolista é ao mesmo tempo uma política de entrega do país ao estrangeiro.»

Conferência Nacional do PCP «A Via de Desenvolvimento para Vencer a Crise», 1985

Foto
Biografia

Edições «Avante!»

Notícias

Exemplo para todas as lutas
Segunda, 6 de Janeiro de 2014

A fuga da cadeia do Forte de Peniche de 3 de Janeiro de 1960 – que não só devolveu à liberdade e à luta revolucionária Álvaro Cunhal e outros nove destacados militantes do PCP como abriu caminho à Revolução de Abril – foi recordada no fim-de-semana em diversas iniciativas comemorativas.

3 e 4 de Janeiro, no Forte de Peniche
Quinta, 26 de Dezembro de 2013

Encerrando as comemorações do centenário do nascimento de Álvaro Cunhal e dando início às celebrações dos 40 anos da Revolução de Abril, tem lugar no Forte de Peniche, nos dias 3 e 4 de Janeiro, um conjunto de iniciativas evocativas da histórica e heróica fuga protagonizada por Álvaro Cunhal e outros nove dirigentes e quadros do PCP. Uma fuga que, pelas suas repercussões imediatas e de longo prazo – na organização e na linha política do Partido, por um lado, e na dinamização e intensificação da luta de massas, por outro – é justamente considerada no próprio lema desta evocação como uma «fuga vitoriosa rumo a Abril».

Personalidade histórica e multifacetada
Quinta, 19 de Dezembro de 2013

Para além de militante e dirigente revolucionário, Álvaro Cunhal foi também um intelectual, um artista e um pensador das questões estéticas. Foram estas últimas vertentes que se evocou na sessão pública realizada no sábado, em Lisboa.

Comício

«Campo Pequeno repleto comemora centenário do nascimento de Álvaro Cunhal»
«Campo Pequeno repleto comemora centenário do nascimento de Álvaro Cunhal»
«Campo Pequeno repleto comemora centenário do nascimento de Álvaro Cunhal»
«Campo Pequeno repleto comemora centenário do nascimento de Álvaro Cunhal»

«Campo Pequeno repleto
comemora centenário do nascimento
de Álvaro Cunhal»

- 10 de Novembro de 2013, Lisboa -

Reportagem
Intervenção de Jerónimo de Sousa
Galeria de Fotografias

Destaque

Congresso

Álvaro Cunhal, o projecto comunista, Portugal e o mundo hoje.

26 e 27 de Outubro

Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa

Ver Congresso

X

Inscrições electrónicas encerradas.
Será possível efectuar a sua inscrição nos dias do Congresso mediante disponibilidade de lugares.

Bibliografia em destaque

Vídeo

Álvaro Cunhal - Vida, pensamento e luta: exemplo que se projecta na actualidade e no futuroVida, pensamento e luta: exemplo que se projecta na actualidade e no futuro

Procurar

Fotografia de destaque

Álvaro Cunhal toma posse como Ministro do I Governo provisório

Il est arrivé à Bunker Hill canton, Juin, et l'un de ses habitants les plus prospères est devenu. discount levitra online viagra https://www.levitradosageus24.com/